Arquivo mensal: Março 2018

Procissão de Passos no Sábado à noite – 2017

Este ano a Solenidade dos Passos continuou com o mesmo empenho dos anos anteriores. Centenas de pessoas visitaram a paróquia de S. Mamede de Vilarinho, Arciprestado de Vila Verde, assistindo às cerimónias com respeito e, acima de tudo, com muita fé.

Vou publicar algumas fotos da procissão de sábado à noite do ano de 2017 que ainda não tinham sido divulgadas neste Blogue. Logo, a seguir, publicarei as fotos da Bênção de Ramos,  a Eucaristia,  às 11 horas,  e a Procissão de Passos, às 16h e 30m, do ano de 2018 (atual).

As primeiras fotos, embora fora do contexto deste tema, foram postadas aqui para mostrar o antes e depois das obras que ligam a Capela do Senhor do Horto ao Calvário adjacente.

Salvador de Sousa

Calvário no local antes das obras Decurso das obras Muro principal já reconstruído Resultado da obra Transmissão dos atos religiosos decorridos no interior da Capela de Santa Luzia antes da procissão As imagens do Senhor dos Passos e da Senhora das Dores preparadas para a procissão Filipe Marques e Luís de Sousa fazem a transmissão das cerimónias para o exterior da capela  Recitação do terço orientada pelas cinco paróquias do Padre Miguel (Atães, Barros, Codeceda, Penascais e Vilarinho)  Pessoas no adro atentas, acompanhando as cerimónias religiosas através de uma tela colocada no exterior  Início da Procissão   Andor da Senhora das Dores que ficará na Capela do Senhor da Cana Verde para, no dia seguinte, ir ao encontro do Seu Filho que vem da Igreja Paroquial, onde há a cerimónia da Sua condenação  Senhor dos Passos a caminho do Pretório    Cerimónia de despedida com uma dramatização Podemos apreciar  toda esta multidão, oriunda de variadas localidades, que acompanha com muita fé os Passos de Cristo  Senhor dos Passos na despedida de Sua Mãe  Beijo de despedida antes da Sua condenação

Interior da Capela do Senhor do Encontro   Capela do Senhor do Horto completamente remodelada Final da Procissão com o Sermão que indica os Passos de Cristo para o Pretório (reflexão)

O Senhor dos Passos no interior da Igreja Paroquial, aguardando o Sermão do Pretório (relato da Sua condenação por Pilatos movido pela multidão que o quis condenar à morte)

Fotos gerais do Património requalificado da Confraria

 

Centro Cívico da Paróquia de S. Mamede de Vilarinho

As fotos que vão observar demonstram que vale a pena visitar a paróquia de Vilarinho. Além da beleza que vão verificar, oferece o parque de merendas e uma churrasqueira com o essencial para se prepararem saborosas iguarias. Brevemente , vai ter um espaço coberto com bancos de madeira, além das mesas que já existem ao ar livre, e vedado em vidro e outros materiais.
A Capela de Santa Luzia também está disponível para qualquer evento.
A reserva dos espaços pode ser feita pessoalmente ou através do telefone: 919415568 (Salvador de Sousa). Caso haja ocupação do espaço sem reserva, é dada a preferência a quem marcou previamente. Há sempre maneira de solucionar o problema, mas quem escolhe é sempre quem marcou.

Sejam bem-vindos.

Visitem Vilarinho já nos próximos dias 24 e 25 do corrente. Venham ver a Solenidade dos Passos com o programa que se segue:

Nos dias 24 e 25 de março, vai realizar-se, em Vilarinho Vila Verde, a Solenidade dos Passos, celebração religiosa cujas origens remontam ao século XVIII.

As cerimónias principiam às 21h do dia 24 de março, na Capela de Santa Luzia com recitação do terço. Logo a seguir, os fiéis sairão em procissão em direção à Igreja Paroquial, onde haverá um sermão. Neste mesmo dia, pelas 21h45m, decorrerá uma dramatização que retrata a despedida entre o Senhor dos Passos e Nossa Senhora.

No domingo, pelas 11h, decorrerá, na Capela do Senhor da Cana Verde, a Bênção de Ramos, seguindo-se uma procissão até à Igreja Paroquial, onde se realizará a Eucaristia Dominical que será transmitida pela Internet, através do sítio “www.vilarinho-vilaverde.com”.

O Sermão do Pretório, agendado para o dia 25, às 16,30h de domingo, marcará o início da Procissão dos Passos. Durante a tarde os fiéis poderão ainda assistir ao Sermão do Encontro com vários momentos de encenação, realçando-se a Verónica que, depois de limpar o Rosto de Jesus, Lhe dirige palavras de compaixão e de conforto.

As cerimónias findam com o Sermão do Calvário, na Capela de Santa Luzia, tendo como cenário as figuras da Paixão que integraram a procissão. Durante este sermão, o Centurião Romano não permite que ninguém se aproxime de Jesus Crucificado, nem mesmo a pedido do pregador. No entanto, após alguma insistência, acaba por se render e deixa sepultar o Corpo de Jesus.

Na Sexta-Feira Santa, 30 de março, decorrerá, como já vem sendo hábito nos últimos anos, a Via-Sacra interparoquial (Atães, Barros, Codeceda, Penascais e Vilarinho) no Monte das Oliveiras. As cerimónias vão ter início na Igreja Paroquial com uma pequena oração, iniciando-se a caminhada até ao local, sendo, a meio do percurso, recitado o terço junto aos painéis dos Mistérios Dolorosos.

A Via- Sacra termina com o enterro do Senhor.

Sermão ECCE HOMO no sábado à noite  Procissão da noite (sábado)  Interior da Capela de Santa Luzia Recitação do Terço antes da saída da Procissão ECCE HOMO Parte frontal do adro requalificado da Capela de Santa Luzia (Imagens de São João Evangelista e de Nossa Senhora das Dores)  Lago adaptado para o Jardim Getsémani. Vão ser colocados, nas margens, os três apóstolos e os outros nove no exterior Parte frontal do início dos escadórios com dois soldados romanos

Vista geral dos escadórios com a representação da Paixão de Cristo. (Foto de Armando Ferreira)

 Jardim das Oliveiras à noite  Parque de merendas Churrasqueira  Convidados: Presidente da Câmara, Dr António Vilela, e Eng. Tiago Convívio Interior da Capela do Senhor do Horto Interior da Capela do Senhor do Encontro  Um dos Calvários Monte das Oliveiras  Obra finalizada do Senhor do Horto  Calvário do Senhor do Horto  Parque de merendas à noite Vista geral, à noite, da obra do Senhor do Horto. Ligação da Capela do Senhor do Horto com o Calvário adjacente e a Capela do Senhor do Encontro  A Verónica dirige umas palavras à multidão  Cenário na Capela do CalvárioCenário na Capela do Calvário

Vista geral dos Escadórios com os principais Passos da Vida de Cristo

 

Sejam bem-vindos.

Salvador de Sousa

O Padre Marques deixou muitas saudades

A minha homenagem ao P. Marques

            Conheci o Padre Marques, ainda como estudante, no Seminário Conciliar de Braga, frequentando, eu, os primeiros anos no Seminário de Nossa Senhora da Conceição.

Veio para Valdreu e aqui paroquiou até ao final da sua vida. Tivemos muitos momentos de grande alegria em convívios na sua paróquia, sobretudo em Mixões da Serra, nas campanhas políticas do Presidente Cerqueira, na escola Monsenhor Elísio Araújo e em tantos outros lugares.

Havia uma ligação familiar. Um tio do P. Marques, que casou para a Atães, era padrinho do batismo do meu pai e de uma tia minha que ainda é viva. Um dos tios (sacerdotes) do P. Marques pagou, ainda, as primeiras despesas do meu tio Padre Salvador no Seminário, pois tinha prometido aos meus avós paternos pagar tudo até ao final. Não aconteceu, porque, entretanto foi vítima de uma doença grave e faleceu ainda o meu tio/padrinho frequentava os primeiros anos.

Tivemos grandes convívios, sobretudo com colegas da escola do Pico de Regalados, na minha casa. Foram momentos inesquecíveis.

Obrigado Padre Marques pela sua sempre boa disposição e pelos divertidos momentos que nos propiciou.

Aproveito para homenagear outros amigos, já falecidos, apresentando aqui também fotos de momentos marcantes da vida.

Salvador de Sousa

Convívio na minha casa
O Prof Rui, um grande animador deste convívio
Feira quinhentista no Pico de Regalados
Grandes convívios organizados na minha casa. Alguns extensivos a todos os agentes educativos da Escola do Pico que um grupo de cinco professores oferecia: Salvado de Sousa, Augusto Freitas, Custódio Araújo, Soares e Padre Marques. Houve  convívios com cerca de noventa.
O Padre Marques deixou muitas saudades. Era um animador, um grande amigo de todos os agentes educativos, não esquecendo os alunos.
Outra Feira medieval dinamizada pela escola.
Que saudades desses tempos!!!!

Padre Marques, um dos grandes impulsionadores da Bênção dos Animais em Mixões da Serra

 Grupo de Reis na altura de um convívio em minha casa
O Padre Marques quis também participar, cantando
Colegas da escola do Pico
O meu aniversário
Viemos ouvir o Grupo de Reis
Convívios de grandes amigos
 Eu e o Prof. Ferreira no final da Procissão de Passos
O Padre Francisco, meu pároco, e o meu tio/padrinho  no casamento da Adelino Vivas e Delfina Costa
 Padre Gavina, também um grande meu amigo, a benzer o carro do casal Salvador/Aurora
Outro grande amigo falecido, Padre José Barbosa. Igreja em Aceredo (Espanha) que estava a ser demolida para ser reconstruída num plano superior por causa da barragem de Lindoso. Este local, onde estamos, está totalmente submerso. (Da esquerda para a direita: Salvador de Sousa (eu), atual Diretor do Agrupamento de Escolas dos Arcos, Padre José Barbosa)
Local totalmente submerso. Esta Igreja poder-se-á ver noutro local mais elevado.
Padre Gavina e eu quando regressávamos de Beja da tomada de posse do Bispo natural de Parada de Gatim

 

Almoço – Casamento de Paula Peixoto e Carlos Soares